01/01/2019 O M

Quinta-feira, 26 de Abril de 2018                                                                                                            

 

At 13, 13-25                                                   Sal 89, 2-3; 21-22; 25; 27                              Jo 13, 16-20

 

O MELHOR DO PIOR

 

"É preciso que se cumpra esta palavra da Escritura: Aquele que come o pão comigo levantou contra mim o seu calcanhar." (Jo 13, 18)

 

Que pecado terrível foi para Judas trair a Cristo por trinta peças de prata! No entanto, o Senhor tirou um bem desta abominação ao prever que, quando isso acontecesse, os discípulos de Jesus acreditavam que Ele era o EU SOU, ou seja, Deus (Jo 13, 19). Da traição de Judas, o Senhor trouxe a salvação e a fé na Sua divindade. "Deus faz com que todas as coisas operem para o bem daqueles que o amam” (Rm 8, 28). "O Senhor fez tudo para os seus próprios fins, mesmo os ímpios para o dia do mal" (Prv 16, 4). "De fato, tudo é ordenado em seu benefício, para que a graça concedida em abundância possa trazer maior glória a Deus, porque os que dão graças são muitos" (2Cor 4, 15).

 

O Senhor quer tirar o bem mesmo do seu pecado mais terrível. Ele quer levar você e muitos outros ao arrependimento, à cura e à santidade. Se você não confessou este pecado no Sacramento da Reconciliação, faça isso o mais rápido possível. Se você já confessou o seu pecado mais terrível, agradeça ao Senhor pelo Seu perdão, peça a cura, entregue a sua vida a Jesus e procure as oportunidades para ajudar os outros a evitar que cometam pecados piores ou ajudá-los a se arrependerem desses pecados. Deixe Jesus realizar o milagre de trabalhar para que todas as coisas concorram para o bem daqueles que O amam.

 

Oração: Pai, que cada detalhe do Teu plano para a minha vida seja cumprido.

Promessa: "Encontrei Davi, filho de Jessé, um homem segundo o meu coração, que cumprirá todos os meus desejos." (At 13, 22)

Louvor: Depois de muitos anos longe da Igreja, Maria Ana confessou-se e voltou para a casa do Senhor.